História: Nas Profundezas

Nunca tínhamos visto algo parecido com as Profundezas Sombrias.

Ninguém tinha, não a centenas de anos. Mas uma vez tinha pessoas nessas cadeias de ilhas hipercarregadas. Quem quer que fossem, eles construíram um mundo inteiro neste lugar. A equipe costuma chama-los de “Corredores Vazios” baseados em uma tradução preliminar dos glifos encontrados nestas áreas.

Tenho certeza que ouvi um deles dizer que que eles também acham que isso “parece legal”.

Eu sei que se trata de uma cadeia de ilhas unidas por concentrações potencialmente letais do poder mais perigoso já descoberto. Eu sei que o Maelstrom arremessou estas pedras na minha cidade sem nenhuma intenção aparente—mesmo tempestades de aether titânicas não fazem coisas intencionalmente. E eu sei que completamos uma duzia de pesquisas sobre o arquipélago antes mesmo de ousar enviar uma equipe Orrery para investigar. Mas o aether tem uma maneira de dobrar a ciência conforme a sua vontade, quer gostemos ou não. E apesar das aparências, as Profundezas Sombrias não são realmente uma cadeia de ilhas. Elas são apenas uma ilha, quebrada em vários pedaços, mas ainda amarradas com laços aethéricos fortes. As Profundezas são um lugar, um poder, e uma ameaça singular para a cidade a qual eu vim a chamar de lar.

Archonite Sombria

Eu estava olhado para a archonite sombria e carregada, sua superfície brilhando como se fosse um portal direto para o céu da noite. é fácil entrar em um estado de quase hipnose se observar por algum tempo, como eu começava a aprender.

Eu comecei a formular hipóteses sobre os efeitos desses cristais quando um horror indescritível entrou em minha mente.

Eu sou uma cientista. Telepatia é, para todos os efeitos, um mito. Eu sei disso. Mas também sei que minha mente e alma gritavam com uma necessidade ardente de correr, ir embora, fugir, AGORA. A parte mais antiga do cérebro humano, voltando para a forma de lagarto com uma eficiência impiedosa em nome da sobrevivência imediata. Tudo por que algo tocou em minha mente. Algo bizarro, cruel e com muita fome.

Caverna Sombria

No mais breve momento, eu senti como se eu fosse a presa. Me senti como se minha vida fosse apenas para ser caçado e devorado. Então eu fui para um túnel lateral para me juntar ao resto da minha equipe, a presença escura e perturbadora desapareceu—somente para ser substituída por uma enxaqueca repentina e implacável.

Eu ainda não determinei exatamente o que causou aquela sensação horrível, e assim que nós retornamos para o aeronavio e zarpamos rumo a Ramsgate, eu não senti nada além daquela primeira fatia de pesadelo.

E ainda tenho essa terrível dor de cabeça.